A MELHOR SOLUÇÃO PARA SUAS NECESSIDADES DE ÓLEO DE FRITURA.

Perguntas frequentes

O MAGNESOL® atende às especificações de grau alimentício? Quais certificações ele tem?

Sim – o MAGNESOL® atende às especificações de grau alimentício da Food and Drug Administration (FDA), da National Sanitation Foundation (NSF), ambas dos EUA e do Joint Expert Committee on Food Additives (JECFA) da Organização Mundial de Saúde (OMS). Ele também tem certificação Kosher e Halal.

Ele é um aditivo? Qual a diferença em relação ao produto que uso atualmente?

Não, um aditivo permanece no óleo durante a filtragem. O MAGNESOL® é um meio de filtragem. O MAGNESOL® é ativado; ele age como um ímã que atrai e remove os sabores e odores dissolvidos que podem prejudicar o alimento frito. Ele remove essas impurezas durante a filtragem diária e mantém o óleo de fritura fresco e transparente.

Quantos dias de vida útil do óleo posso esperar? Que quantidade de MAGNESOL® devo usar?

A vida útil do óleo varia segundo o volume de vendas de alimentos fritos, a mistura de produtos e as práticas de gerenciamento da estação de fritura. Pode-se obter um aumento de pelo menos 30% a 50% na vida útil do óleo para um novo usuário de MAGNESOL®. Em geral, são necessárias 136 gramas de MAGNESOL® para tratar 23 kg de óleo. Consulte a lateral da caixa para se informar sobre outros volumes.

É necessário ter uma máquina de filtragem? Por quanto tempo devo filtrar meu óleo?

Sim – é necessário ter uma máquina de filtragem. Não é possível usar um cone ou saco de filtragem. São necessários de cinco a dez minutos (por fritadeira) de recirculação através de uma máquina de filtragem embutida ou portátil para a máxima eficiência.

O MAGNESOL® funciona com qualquer tipo de óleo?

Sim. A degradação do óleo é comum com todos os óleos de fritura comestíveis, e o MAGNESOL® é eficaz com todos os tipos, inclusive os novos óleos livres de gordura trans.

A que temperatura é necessário filtrar o óleo?

O MAGNESOL® tem melhor desempenho quando o óleo é filtrado à temperatura de cozimento, tipicamente 140 a 180 °C.

Quando devo trocar meu óleo?

A decisão deve basear-se nos padrões de qualidade do alimento final e na avaliação sensorial. Cor, sabor, gosto, aparência e textura do alimento devem ser o principal fator determinante. Se o óleo estiver muito escuro, fumegante, espumante ou apresentar um odor ruim, está na hora de trocá-lo.

Devo colocar o MAGNESOL® no óleo ou no compartimento do filtro?

O MAGNESOL® funciona igualmente bem quando borrifado sobre o papel de filtro no compartimento do filtro ou diretamente no óleo. Será criada uma “pasta de filtro” na tela ou no papel de filtro.

O MAGNESOL® reduz os compostos polares totais (CPT) e os ácidos graxos livres (AGL). O que isso significa?

Os AGLs são moléculas que reduzem a tensão superficial do óleo, o que faz com que massas e farinha de rosca absorvam mais óleo. O resultado é um alimento frito gorduroso. O MAGNESOL® reduz muito a formação dessas moléculas, fazendo com que seu óleo dure mais e os alimentos fritos sejam leves e crocantes. Os CPTs são a única medida química de degradação de óleo que foi correlacionada ao sabor e ao odor dos alimentos fritos. O MAGNESOL® é o melhor produto para reduzir os CPTs.

O que acontece se eu não filtrar diariamente com MAGNESOL®?

Durante o processo de fritura, o óleo envolve e penetra o alimento, tornando-se parte dele. Enquanto o óleo de fritura se decompõe, as impurezas dissolvidas são absorvidas pelo alimento, o que afeta o sabor, a textura e a aparência. O uso diário do MAGNESOL® extrai os sabores e odores indesejados dissolvidos no óleo, de modo que apenas óleo limpo e fresco entra em contato com o alimento frito. E óleo mais limpo tem maior vida útil. Para cada dia de filtragem não realizada, perdem-se até dois dias de vida útil do óleo. Reduza suas despesas com óleo de fritura e deixe seus clientes contentes: use MAGNESOL® diariamente.

Ainda tem dúvidas?

Nosso departamento de atendimento ao cliente está pronto para ajudá-lo!
Menu